diferenca entre escala e conexao

Tipos de voos: qual a diferença entre escala e conexão?

by

A compra da passagem aérea pode gerar algumas dúvidas quanto aos tipos de voos – principalmente quando se trata de uma viagem internacional. Se o voo for direto, isso significa que ele não terá desvios na rota. Em muitas das vezes, no entanto, há passagens intermediárias por outros aeroportos. Mas você sabe qual a diferença entre escala e conexão

Vale lembrar que ambas as modalidades incluem paradas em outras cidades antes da chegada ao destino, e a existência ou não desses intervalos influencia na duração do voo e no preço final do bilhete aéreo (que tende a ser mais barato quanto mais conexões ou escalas houver). 

Para te ajudar a esclarecer essa dúvida tão comum dos passageiros, que tendem a ficar confusos sobre as diferentes logísticas da viagem aérea, abordamos os tipos de voos e explicamos por que a escala se diferencia da conexão. Acompanhe! 

Entendendo os tipos de voo: o que é voo direto? 

diferenca entre escala e conexao

Antes de passarmos para a diferença entre escala e conexão, vamos esclarecer esse primeiro conceito importante! A maneira mais rápida e prática de se chegar ao destino em uma viagem aérea é sem dúvidas o voo direto, no qual o passageiro embarca na cidade de origem e já desembarca na cidade desejada, sem paradas por outros aeroportos

No entanto, muitas vezes não é possível cobrir todo um trecho em um único voo –  especialmente em longas distâncias, as aeronaves precisam ser reabastecidas. 

Além da agilidade, uma outra vantagem dos voos diretos é a minimização dos riscos de ter sua bagagem extraviada. Afinal de contas, não há a troca das malas de um avião para o outro. Em contrapartida, os voos diretos costumam ser mais caros, o que faz muitos viajantes optarem por voos com escalas ou conexões para uma viagem mais econômica. 

Leia Mais: Afinal, como viajar gastando pouco? 

Qual é a diferença entre escala e conexão?   

Vamos lá: o voo com escala é aquele que tem ao menos uma parada antes de aterrissar no destino final, com o objetivo de permitir o desembarque de passageiros que vão ficar no local e o embarque de outros viajantes que estão seguindo para o ponto final da viagem

Essas paradas também podem ser aproveitadas para o reabastecimento da aeronave. ATENÇÃO: durante a escala, os passageiros a bordo não podem deixar o avião. Eles devem apenas aguardar os procedimentos de embarques, desembarques e aterrissagem. 

Por sua vez, os voos com conexão também incluem paradas para abastecimento, desembarque e embarque de passageiros antes da chegada ao destino final – a diferença fundamental, aqui, é que todos os passageiros da aeronave devem trocar de avião

Escala x Conexão

Nesse contexto, no voo de conexão, mesmo os passageiros que não vão desembarcar na cidade daquele determinado aeroporto deverão deixar a aeronave e embarcar novamente em outro avião para prosseguir sua viagem. Nessa situação, os clientes das empresas aéreas são chamados de “passageiros em trânsito”

*FIQUE ATENTO 1: em um voo com conexão, os viajantes devem seguir as orientações dos agentes da companhia aérea e dos comissários de bordo. Eles são os responsáveis por indicar o portão de embarque e o horário do próximo voo. 

* FIQUE ATENTO 2: ao contrário do que acontece na escala, na conexão o número do voo muda. Afinal de contas, você estará iniciando um novo trecho a partir da parada naquele determinado aeroporto, embarcando em outro avião até chegar ao seu destino. Nessas situações, a depender do país em que estiver, pode ser necessário passar pelos procedimentos de alfândega e imigração. Não deixe de pesquisar as exigências! 

Dessa forma, sobre a diferença entre escala e conexão, tiramos a seguinte conclusão:  tanto o voo de escala quanto o voo de conexão incluem paradas em outras cidades ao longo da viagem. Porém, enquanto na escala os passageiros deverão permanecer na aeronave e apenas aguardar os procedimentos da parada, na conexão eles deverão desembarcar no aeroporto e embarcar em outro avião para prosseguir a jornada

Saiba Mais: Afinal, quais são os países que precisam de visto?

Quanto tempo dura uma conexão? 

diferenca entre escala e conexao

Quando o assunto é a diferença entre escala e conexão, esse último tipo de voo tende a gerar mais dúvidas! Pois bem, não há regra: o tempo de espera entre um voo e outro na conexão pode variar bastante. Muitas vezes, o viajante pode ter que ficar horas no aeroporto para aguardar o próximo embarque (em algumas situações de intervalos bastante longos, os viajantes até aproveitam para conhecer a cidade da conexão). 

Em outros casos, porém, pode ser que o tempo da conexão seja apertado, com o próximo embarque quase imediato. Nessas situações, fique muito atento ao prazo: especialmente nos grandes aeroportos, é possível que seu próximo avião esteja em um portão distante, o que exige agilidade no deslocamento. 

Observação: é mais raro, mas existem voos que têm mais de uma conexão em um único trecho. Planeje-se para evitar imprevistos!

Saiba Mais: Dicas para viagem longa de avião: manual de sobrevivência  

Como funciona a conexão com troca de aeroporto? 

Essa é outra possível situação que pode acontecer em um voo de conexão: quando não há apenas a troca de aeronave, mas também de aeroporto (por exemplo: você desembarca em Congonhas e precisa pegar o próximo voo em Guarulhos). 

Aqui, o planejamento do viajante deve ser ainda maior! Em primeiro lugar, cheque atentamente essas informações na hora de comprar a passagem. Se de fato houver mudança de terminal aéreo e você optar por essa viagem, verifique se haverá tempo hábil para realizar a troca de aeroportos sem transtornos

Lembre-se de que, nesse meio tempo, você terá que desembarcar, pegar sua bagagem na esteira, deslocar-se, fazer um novo check-in, despachar novamente as malas e embarcar. Pode ser muita correria! 

Esse tipo de voo costuma ser mais barato, mas coloque prós e contras na balança e verifique se realmente é possível cumprir todo o processo sem muita dor de cabeça. Considere, ainda, os custos com o deslocamento de um aeroporto para outro. 

Viajar só com a bagagem de mão, nessa situação, pode ser muito vantajoso não apenas pelo ponto de vista da economia, como também da agilidade. 

Voo de conexão: e a bagagem, como fica?

Outra dúvida comum a respeito de voos com conexão é como fica a questão da bagagem nessas situações. Afinal de contas, quando os passageiros trocam de avião, suas malas também deverão ser trocadas. 

Na maioria das vezes, as próprias companhias aéreas se encarregam de transferir as bagagens despachadas para a outra aeronave. Dessa forma, os viajantes só precisam se preocupar em fazer seu trajeto de um avião para outro com sua bagagem de mão.   

De qualquer maneira, não deixe de se informar sobre o assunto quando estiver fazendo o check-in no balcão da companhia aérea. Em alguns casos, o próprio passageiro deverá buscar sua mala despachada na esteira e despachá-la novamente no embarque da conexão. 

Agora que você já sabe a diferença entre escala e conexão, continue a acompanhar o blog para mais dicas de como fazer viagens tranquilas e bem preparadas. Aproveite para conferir as vantagens do aluguel de malas, que contribui para um trajeto mais econômico e despreocupado! 

You may also like